quarta-feira, 6 de abril de 2011

Apaixonadamente
Dry Neres






A nudez de um relacionamento que é extremamente humano rasga as vestes da pele que pensa saber de todas as coisas. É considerado relativamente fácil se apaixonar por uma pessoa, todavia permanecer apaixonado é a grande dádiva. Apaixonar-se pela perfeição não é nobre feito. Encantador mesmo é amar cada pedacinho das qualidades e dos defeitos de alguém. Compartilhar o travesseiro, a toalha, o almoço, os diários, a escova de dente, o pente, o cobertor... apaixonadamente! Multiplicar os sorrisos, gritar os medos, fechar os olhos juntos, esfregar os pés, beijar a ponta do nariz, acariciar as mãos... apaixonadamente! Brigar com dramaticidade, pegar as chaves do carro para fugir dos conflitos, fazer rolar lágrimas de ausência... apaixonadamente!

A paixão não nos larga um só momento. O amor penetrou nossa pele e já afirmou em alto e bom som: "Não vou sair"! Não adianta lavagem, raspagem, laser moderno. Não adianta trocar de nome, identidade, roupa, mundo. Não adianta! O que construímos, amor é algo inédito em nós. Saboreamos dia-a-dia o doce da nossa loucura e sanidade. Amamos com cuidado, comprometimento, poesia. Amamos! E tudo se cala diante do amor. Tudo se curva diante do amor. Eu me curvo diante de você... Apaixonadamente!


2 comentários:

DAM disse...

*-*
EU TE AMO MAIS A CADA PULSAR DESSE CORAÇÃO QUE GUARDO AQUI COMIGO.
APAIXONADAMENTE!

OBRIDAGA POR SER MINHA!

Lia disse...

oi
cai aqui hoje por causa de uma foto por que é de um lugar que já fui...mas me apaixonei por seu espaço, quero ler tudo....parabens pelo blog, muito lindo.
beijo